O que levar em conta na hora de escolher o SSL?

0
103

O SSL é a forma das empresas criptografarem informações inseridas no site e torná-las mais seguras, diminuindo as chances de que elas sejam acessadas por terceiros mal-intencionados. É como se os dados tivessem sido trancados por um cadeado, e somente aqueles que têm a chave (loja e cliente) poderão acessar essas informações confidenciais.

A importância do SSL se traduz também em números. O Ibope Conecta apontou, em uma pesquisa encomendada pela MasterCard, que 56% dos clientes verificam se o site é seguro antes de fazer uma compra, e um dos principais elementos apontado pelos entrevistados como referência se um site é seguro ou não é justamente a presença do cadeado verde na barra de navegação, ou seja, o SSL.

No entanto, embora exista a necessidade de segurança, que pode impactar diretamente nas vendas de sua loja virtual, não basta contratar a primeira empresa que vir pela frente sem ter certeza do cuidado com que ela trabalha a questão da segurança.

Alguns pontos sobre o SSL devem ser considerados antes de eleger a emissora do certificado e para isso, sugerimos avaliar os seguintes aspectos:

Custo-benefício

Antes de escolher o SSL vale lembrar daquela regra que serve para basicamente qualquer compra: o barato pode sair caro. Você deve se atentar ao valor agregado ao SSL que escolher. Que benefícios ou comodidades adicionais uma empresa oferece em relação a outra? Você vai ter suporte para a instalação, existem métodos de avaliação para entender se o certificado foi instalado da forma correta? Tudo isso precisa ser colocado na ponta do lápis.

Confiança

A fornecedora de SSL deve ser uma empresa conhecida do mercado, e que tenha em seu portfólio grandes marcas. Isso diminui as chances de se escolher errado e ter problemas com a emissão do certificado. Segurança, afinal, deve ser sempre norteada pelo fator “credibilidade”: do início ao fim dos processos.

Adicionais de segurança

Um ponto importante é entender se a empresa que irá emitir o certificado é especializada em segurança. Quer dizer, se ela oferece outros serviços associados à segurança e que podem te auxiliar futuramente. Com isso, você garante que se o sucesso de seu site aumentar e precisar de um nível maior de segurança essa empresa poderá atendê-lo sempre. A questão é: essa empresa é especializada o bastante para me proteger?

Portfólio de serviços

Outro ponto importante, que precisa ser levado em consideração, é o portfólio de serviços de segurança oferecido pela fornecedora e quem faz uso deles. Isso mostra o quão especialista ela é. Esse tipo de informação fará você ter mais que um fornecedor, e sim um parceiro que vai poder oferecer soluções personalizadas de segurança no momento em que você precisar. Isso dá um respaldo maior para a qualidade do serviço e garante que a segurança do seu site estará em boas mãos.

Suporte ao cliente

A empresa escolhida possui um bom suporte? Qual o horário de atendimento? E principalmente, ele será em língua portuguesa?  De qualquer forma, verifique as alternativas oferecidas pela empresa que cuidará de seu SSL. Veja se ela tem canais de e-mail, telefone e uma equipe competente de TI que possa auxiliá-lo quando desejar.

Nível de Segurança

Você é um banco ou um grande e-commerce? Bem, então um SSL comum talvez seja um nível de segurança mais baixo do que você precisa. Neste caso, um SSL EV (Extended Validation) pode ser mais apropriado. Ele tem um nível maior de validação, por isso exibe, na barra de navegação, a razão social do negócio.

Levando em conta esses aspectos ficará mais fácil fazer uma opção mais consciente do melhor SSL para seu negócio.

Fonte: E-commerce Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here